Veja as 3 principais diferenças existentes entre ação e opção!

3 minutos para ler

Você sabe qual é a diferença entre ação e opção? O mercado financeiro é extremamente amplo e possui diversos tipos de ativos adequados aos mais variados perfis de investidor que existem.

As opções são uma dessas modalidades que utilizam os papéis da empresa como fundamento principal da sua existência. Entretanto, muitas pessoas confundem esse mercado com o de ações ou sequer sabem que ele existe.

Nosso objetivo com este artigo é mostrar a definição dos mercados de opções e ações e apontar as diferenças entre eles. Acompanhe!

O que são ações?

O primeiro passo é entender o que são ações. Os papéis, como também são chamadas, se tratam de pequenos percentuais do capital social de uma empresa. Quando um investidor compra ações de uma companhia, de certa forma, ele está se tornando sócio dela, entretanto, sem ter o direito de interferir nas decisões.

O que são opções?

Por outro lado, as opções são contratos que estabelecem direitos de compra ou venda de uma determinada ação em uma data futura. A lógica por trás delas é muito simples. Se você acredita que os papéis de uma empresa vão desvalorizar, é possível comprar o direito de vendê-las por um determinado valor no futuro.

Quais são as diferenças entre ambas?

Entendido o conceito, passaremos para a etapa de explicar a diferença entre ação e opção. Acompanhe para saber como esses ativos funcionam.

1. Rentabilidade

A rentabilidade das ações ocorre de duas formas. Primeiro, você pode ser remunerado vendendo os ativos adquiridos por um preço superior ou aguardar o recebimento de dividendos.

Por outro lado, nas opções existem diversas formas de rentabilidade. É possível, inclusive, receber para montar determinadas operações. Sendo assim, o leque de opções de rentabilidade é extremamente maior que nas ações.

2. Negociação

A negociação também tem algumas diferenças, especialmente, na formação dos códigos de cada ativo. Entretanto, em ambos os casos as transações são feitas no ambiente eletrônico da Bolsa de Valores brasileira, a B3.

3. Liquidez

No caso das ações, algumas empresas podem ter liquidez maior que as opções, entretanto, isso pode variar muito de acordo com o mercado ou a própria empresa que está sendo negociada.

Quais são as vantagens e desvantagens de ambos os mercados?

Tanto o mercado de ações quanto o de opções são extremamente lucrativos para quem se dedica ao seu estudo. Porém, as opções permitem ao investidor movimentar grandes volumes financeiros com pouco dinheiro, o que não acontece nas ações.

Além disso, o mercado de opções é extremamente versátil, possibilitando diversos tipos de operações que servem aos mais variados objetivos, sejam eles a rentabilização de um capital ou, até mesmo, a proteção do seu patrimônio.

Com relação às desvantagens, não há como mencionar o mercado de ações ou opções sem tocar na questão risco. Como estamos tratando de renda variável, ele sempre existirá e você deve aprender a lidar com isso.

Agora que você entendeu as principais diferenças entre ação e opção terá mais facilidade para aplicar nesse mercado, garantindo ganhos substanciais, aproveitando ambos os mercados para diversificar suas aplicações.

Se você gostou dessas informações, assine a nossa newsletter e fique de olho na sua caixa de entrada para receber nossas novidades sobre investimentos!

Posts relacionados

Deixe um comentário